Vasco abre espaço no elenco para reforços; mais jogadores deixarão o clube em julho





Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

Entre no grupo de whatsapp da CENTRAL DO VASCO, SOMENTE NOTÍCIAS, SEM CONVERSAS!CLIQUE AQUI!

Isaque e Bruno Nazario não serão os únicos jogadores a deixar o Vasco neste mês. O clube tem outras situações encaminhadas para abrir espaço e qualificar o elenco na janela de transferências que abre em 18 de julho.

Além dos dois meio-campistas, outra negociação em andamento é para o empréstimo de MT ao Goiás. A reportagem apurou ainda que os atacantes Vinicius e Laranjeira também devem deixar o Vasco, que encaminhou ainda as saídas do zagueiro Vitor e do atacante Roger, ambos de 21 anos e que não estavam sendo aproveitados em São Januário.

Atacante Laranjeira, cumprimentando Josh Wander, encaminha saída do Vasco — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br

Atacante Laranjeira, cumprimentando Josh Wander, encaminha saída do Vasco — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br





No início da temporada, o clube se resguardou nos contratos feitos com os jogadores já antecipando a necessidade de dispensar alguns atletas e corrigir a rota ao longo da temporada. Nos casos de Isaque e Nazario, as rescisões foram em comum acordo beneficiando ambos os lados, já que os meio-campistas estavam sem espaço no Vasco.

O departamento de futebol deixou claro algumas vezes que a montagem do elenco de 2022 foi feita com foco na Série B, por isso os contratos em sua maioria são curtos e permitem ao Vasco a flexibilidade de negociar com os atletas uma possível saída em caso de não utilização.

De olho na janela, o clube já tem alguns alvos no mercado, mas adota cautela quanto ao número de contratações. O esforço agora é para fechar o retorno do atacante Alex Teixeira, cria do Vasco e que tem reunião com o departamento de futebol nesta semana. Porém, a realidade financeira do clube ainda é um entrave para as negociações.

O ge ouviu que mesmo com o processo de venda da SAF para a 777 Partiners concluído antes do fim do fechamento da janela, em 15 de agosto, o investimento da empresa não deve ser pesado nesse momento. Muito em função do tempo hábil, apesar de que as partes conversam sobre a possibilidade de o grupo americano adiantar parte do recurso para o clube usar nas contratações. De qualquer forma, os R$ 120 milhões que a empresa tem obrigação em contrato de investir ainda em 2022 provavelmente não serão gastos nesta janela – pelo menos não a maior parte dessa grana.

O Vasco quer reforços pontuais. A ideia ao enxugar o elenco é ainda qualificar os treinamentos de Maurício Souza e comissão técnica. Entende-se que com um grupo mais enxuto o treinador terá melhores condições de trabalho para buscar a evolução no decorrer da Série B. Em meio às negociações do departamento de futebol, o time volta a campo no próximo sábado, às 16h30, contra o Sampaio Corrêa, em São Luís.

Fonte: ge







Você pode gostar...