‘Pantanal’: com crise nos negócios, José Lêoncio cortará mesada de Jove


Saiba tudo sobre novelas! Se prepare para a nova novela das 9, entre no Grupo no facebook. Entre no Grupo de Novelas e famosos no Facebook Clique aqui

José Lêoncio (Marcos Palmeira) enfrentará problemas no negócio  — Foto: TV Globo

José Lêoncio (Marcos Palmeira) enfrentará problemas no negócio — Foto: TV Globo

José Lêoncio (Marcos Palmeira) sempre teve orgulho do fato que consegue chefiar os negócios Brasil afora e mantê-los a todo vapor, mesmo com vida estabilizada no Pantanal. Mas, em uma viagem a São Paulo para conferir os últimos balanços, o fazendeiro vai ter uma surpresa bem desagradável.

“Aconteceu um terremoto aqui?”, dirá Zé, ao saber da situação.

“Um não, patrão… Vários”, responde Davi (Lucci Ferreira), funcionário responsável por administrar as finanças do fazendeiro na capital paulista.

Com o sumiço de Jove (Jesuíta Barbosa), o fazendeiro focou todas as energias em encontrar o filho, e, consequentemente, colocou os negócios de lado.

“Com todo o respeito, senhor José Leôncio, eu cansei de chamar pelo senhor na fazenda”, completa o funcionário.

A partir daí, os valores de Zé serão colocados em xeque pelos funcionários. Enquanto ele se mantém fiel aos valores de progredir profissionalmente dentro do respeito ao ecossistema que o cerca, a equipe do financeiro o pressionará para acompanhar as tendências do mercado.

Camisa Vasco I 19/20 Torcedor Diadora Masculina - compre aqui Compre aqui a camisa do Vascão!

“Acontece que foi esse gado quem me trouxe (…) Eu tenho mais apreço por cada cabeça de boi que tão nos meus pastos que eu tenho por ocê”, contesta Zé, já na defensiva.

Por enquanto, a situação ficará dentro do controle e Zé optará por vender parte do gado ao invés de pegar empréstimo em um banco. Tadeu (José Loreto), que o fazendeiro já assumiu como filho nesse ponto, ficará responsável pela transação.

Em compensação, a relação difícil dele com Jove vai refletir no momento. O rapaz e o pai terão tido outra briga, após o jovem retornar ao Rio, levando Juma (Alanis Guillen), sem o consentimento do peão.

E se Jove sempre disse que, além de não ter vocação para profissão nenhuma, não tem vontade de seguir os passos do pai na empresa, Zé tomará uma atitude, literalmente, econômica.

“Pode mandar suspender (a mesada) Ele diz que não precisa da minha caridade e eu nunca tive vocação pra sustentar homem barbado”, decide o fazendeiro.

Fonte: Gshow

Você pode gostar...