Apresentado no Vasco, Lucas Oliveira recebe camisa que era de Cano: “Estou aqui para fazer a minha história”


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

Primeiro dos cinco reforços anunciados até então para a disputa da Série B, o atacante Lucas Oliveira foi apresentado pelo Vasco na tarde desta quinta-feira, no CT Moacyr Barbosa. O jogador de 21 anos, que assinou contrato até junho de 2024, ganhou a camisa 14, mesma usada por Germán Cano, que se destacou em São Januário nas últimas duas temporadas

– Primeiramente agradecer ao Vasco, a Deus também por essa oportunidade, eu venho pra mostrar o meu trabalho, sou um jogador de personalidade forte. O Cano fez a história dele, honrou a camisa, e eu estou aqui para fazer a minha história. Acho que o jogador de futebol tem que estar preparado pra isso. Se o professor Zé precisar eu estou 100% pronto para jogar – disse Lucas Oliveira.

Lucas Oliveira é apresentado pelo Vasco — Foto: Daniel Ramalho/Vasco.com.br

Lucas Oliveira é apresentado pelo Vasco — Foto: Daniel Ramalho/Vasco.com.br

Lucas foi alçado ao time profissional do Bangu em 2020, mas só assumiu a vaga de titular este ano, sob o comando do técnico Felipe, ídolo do Vasco. Ele disputou 11 partidas no Campeonato Carioca e marcou um gol. Chega para ajudar a corrigir a carência de pontas de velocidade, que marcou a primeira parte da temporada do clube vascaíno.

A concorrência para Lucas Oliveira será grande, já que o Vasco trouxe ouros reforços para o ataque. Pesa a favor do atacante o fato de poder jogar também na lateral esquerda.

– Eu quero ajudar, onde tiver oportunidade eu estou disposto a ajudar. Eu joguei muito na frente, mas se precisar ir para os lados eu vou, eu quero ajudar o Vasco. A disputa é grande, todos estão brigando pelo seu espaço e não vai ser diferente comigo. É chegar e dar o meu melhor sempre para estar à disposição.

O Vasco estreia na Série B do Brasileirão nesta sexta-feira, às 19h, contra o Vila Nova, em São Januário.

Outras declarações de Lucas Oliveira:

Como surgiu para o futebol?

Eu sempre morei em comunidade, joguei muito em favelas, e aí me descobriram em um projeto que tinha lá, um cara começou a me ajudar, eu comecei a jogar futsal e depois tive oportunidade de jogar no Bangu. Em 2018 comecei na base do Bangu, tive uma passagem rápida pela Dinamarca e depois voltei para o Bangu.

Felipe e história do Vasco

Eu estou pronto e preparado para honrar essa camisa. O maestro (Felipe) é um cara sem palavras, me ajudou muito. E me passou um pouco da história do Vasco, da torcida apaixonada. Eu estou muito ansioso, feliz, motivado e pronto para agradar a torcida e poder ajudar o Vasco.

Vai guardar a camisa da estreia?

Vai para o quadro. Algumas pessoas da família já pediram, mas a primeira é única. Esquece, vai para o quadro.

Torcedor do Flamengo?

Isso aconteceu em um momento da minha vida que eu nem sabia o que queria, não sabia se um dia estaria vestindo a camisa do Vasco ou qualquer outra camisa gigante como essa, e também não sabia se seria jogador profissional. E hoje eu estou pronto para honrar essa camisa.

Fonte: Ge

Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...