Edimar analisa concorrência com Riquelme pela lateral esquerda do Vasco: ‘Posição está bem sustentada’


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

Titular nos últimos jogos do Vasco pelo Carioca, o lateral-esquerdo Edimar tem uma sombra importante, Riquelme, cria da base e destaque do time na Série B de 2021. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, no entanto, Edimar evitou polêmica e ressaltou suas características e a qualidade do companheiro.

– O Vasco tem dois grandes laterais-esquerdos, eu e Riquelme. Se tem uma posição que acho que está bem sustentada é a lateral esquerda. Sou um cara que me avalio sempre após os jogos. Acho que fui bem no Carioca. Agora estamos tendo tempo para adaptar melhor o trabalho e o Zé colocar as ideias. Acho que o time todo vai crescer e vamos entrar preparados na Série B – disse Edimar.

Edimar, em coletiva — Foto: Emanuelle Ribeiro/ge

Edimar, em coletiva — Foto: Emanuelle Ribeiro/ge

Apesar da concorrência, os dois laterais tem uma boa relação. E Edimar tenta ser um espécie de mentor para o jovem, um comportamento que partiu de um pedido do técnico Zé Ricardo, antes mesmo de o lateral ex-Bragantino chegar ao Rio.

– Quando o Zé entrou em contato para eu vir para o Vasco, disse que tinha um lateral-esquerdo promissor e que minha contratação poderia ajudá-lo a crescer. Vim com a intenção de fazer minha parte bem feita, e isso também vai ajudá-lo a crescer. Relação muito boa, é uma troca de valores. Quero ajudá-lo a crescer não só profissionalmente, mas também como pessoa – revelou,

Após a eliminação do Campeonato Carioca, o Vasco ficou com um longo período sem jogos, com foco na preparação. Na manhã desta quarta, o Cruzmaltino descobriu seu primeiro rival na Série B, será o Vila Nova, no Rio, no dia 8 de abril.

Edimar assistiu à classificação da equipe goiana para terceira fase da Copa do Brasil, e projetou uma estreia complicada.

– Assisti ao jogo deles contra o Guarani, pela Copa do Brasil. Uma equipe preparada para a Série B, equipe difícil, que briga muito para ter a bola, então temos que estar preparados para a estreia. Jogando em casa, como nosso torcedor, creio que vamos conseguir a vitória – considerou.

Veja outras respostas de Edimar:

 

Concorrência e reforços

Acredito que o elenco está recheado de excelentes jogadores, lateral direita também tem bons jogadores. Mas a gente sabe que sempre chegam reforços, e quem chega que possa somar para o Vasco. A gente deixa as contratações para a diretoria resolver.

Riquelme

Troca muito boa. É um jovem com uma progressão muito grande. Conversamos todo dia, rimos, uma relação de respeito. O que eu puder fazer para o Riquelme crescer eu vou fazer. Vamos fazer de tudo para o Vasco conseguir o grande objetivo do ano.

Dias livres de treinos

Têm sido espetacular esses dias de treinamento, nosso ambiente é fantástico, todos empenhados em crescer individual e coletivamente. Difícil falar do calendário no Brasil, mas agora temos um tempo hábil que dá garantia de crescimento. A gente trabalha sabendo que precisamos crescer técnica, física e taticamente.

Quem vai subir?

Um tem que ser o Vasco de qualquer jeito, mas Série B sempre tem surpresas. Quando fui campeão pelo Bragantino, ninguém apontava o Bragantino como campeão. Aposto no Vasco, mas tem outros grandes, vai ser a Série B mais difícil dos últimos anos. Importante estar sempre próximo e dentro do G-4. Vamos brigar não só para ser campeão, mas pelo G-4 sempre. Fundamental estrear com vitória, na Série B você precisa ganhar em casa, e fora não dá pra perder. Vamos buscar fazer bem o papel em casa e tentar o máximo de pontos fora.

Qual a meta pessoal do Edimar?

Edimar quer ajudar o Vasco a ter uma boa arrancada no início da Série B. Vamos ter duas pedreiras fora depois da estreia em casa, então é importante largar bem. Quero ajudar meus companheiros e coroar o trabalho com o acesso lá na frente.

Possibilidade de jogar a estreia da Série B no Maracanã

O Vasco tem sua casa, que é São Januário, mas o mais importante é estar próximo do torcedor, sendo no Maracanã ou em São Januário. Creio que o torcedor vai nos apoiar, como foi no Carioca, para começarmos com o pé direito a Série B. Foi impressionante o que o torcedor fez no Carioca. Me arrepio. No jogo de volta da semifinal, com mando do Flamengo, senti que eles cantavam mais alto que a torcida do Flamengo. Não tem como não se arrepiar. Minha família também acompanhou o jogo, uma força incrível. Parabenizo a torcida e espero que possam estar juntos com a gente na estreia.

Fonte: GE

Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...