Zé Ricardo elogia produção ofensiva e vê margem de crescimento para o Vasco após estreia com vitória


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

Foi com vitória que o técnico Zé Ricardo reestreou no Vasco. Na noite desta quarta-feira, no Raulino de Oliveira, o time venceu o Volta Redonda por 4 a 2 e com boa atuação. O treinador elogiou o desempenho ofensivo, mas citou a dificuldade da partida, apesar do resultado. Ele também vislumbra uma boa margem de crescimento e evolução para a equipe ao longo do Carioca.

– Acho que toda equipe que estreia numa competição, numa temporada, tem também uma margem de crescimento. A gente acredita também que possa aumentar essa margem de crescimento. Hoje tivemos uma partida muito difícil. Volta Redonda faz um dos melhores trabalhos, depois das quatro equipes grandes. Muito difícil jogar aqui. Lembrar que o Volta Redonda já vem trabalhando desde o dia 25 de novembro. Conseguiu fazer seis amistosos nesse período, e a gente conseguiu fazer apenas dois. Com isso, já era esperado que nós não apresentássemos 100% do nosso rendimento e daquilo que a gente acredita. Mas o que eu falei para eles antes do jogo era que a gente tinha que procurar fazer o máximo daquilo que trabalhamos. Se a gente fizesse isso, seríamos competentes para conseguir um bom resultado.

– Fizemos um primeiro que já era esperado o Volta Redonda pressionar a gente, exatamente por essa diferença de preparação e jogando em casa. A equipe tem muitos comportamentos ofensivos interessantes, e certamente passar daquele momento de pressão, e se assentar no jogo foi acho que o ponto principal da nossa equipe. Depois, na volta do segundo tempo, o quarto gol acabou nos dando tranquilidade. Apesar da gente tomar o segundo gol, acho que a experiência de alguns jogadores ajudaram a controlar a partida e levar os três pontos na primeira rodada – analisou Zé.

Zé Ricardo comemora com Nenê — Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

Zé Ricardo comemora com Nenê — Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

Zé comemorou o fato de o time ter conseguido aplicar coisas que foram treinadas, mas freou a empolgação e lembrou que o Vasco é um time em formação.

– Acho que algumas coisas nós conseguimos aplicar, mas até pela pressão da estreia, pelo tempo pequeno que nós tivemos, pela questão da confiança de alguns jogadores que estão vestindo a camisa do Vasco pela primeira vez, que é muito pesada, sabíamos que uns iam sentir mais que outros. Meninos que tiveram problema no ano passado, também dar confiança para que pudessem jogar. Muito disso acaba influenciando. Momento de construção a gente já conseguiu alguma coisa, de saída de bola. Tivemos um gol numa jogada ensaiada também, que a gente entendia que poderia acontecer e acabou acontecendo. As nossas transições ofensivas também.

O Vasco volta a jogar no sábado, às 21h, em São Januário, contra o Boavista.

Fonte: GE

Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...