Vasco inicia revitalização do gramado de São Januário para aguentar apertada temporada de 2022 - ValeSeuClick.com - Notícias do mundo inteiro, em tempo real

Vasco inicia revitalização do gramado de São Januário para aguentar apertada temporada de 2022


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

O Vasco vai aproveitar o período sem jogos para revitalizar o gramado de São Januário. A reforma teve início há duas semanas, e a previsão é que ela seja concluída no início de fevereiro. A ideia do tratamento é fazer com que o campo de jogo resista à maratona de jogos ao longo da temporada, algo que não aconteceu na reta final de 2021.

No início deste ano, o Vasco não conseguiu fazer o tratamento adequado no gramado, uma vez que o calendário não parou entre as temporadas de 2020 e 2021, por conta da pandemia de Covid-19. A sequência de jogos castigou o campo de São Januário, que não terminou o ano nas condições consideras ideais.

A previsão é que entre 45 e 55 dias o processo de recuperação campo seja concluído. A reforma está sendo liderada por Fábio Nogueira, vice presidente de patrimônio do Vasco, em parceria com a Greenleaf, empresa responsável por vários gramados do país. Na primeira quinzena, os engenheiros responsáveis estão realizando um sistema de perfuração para colocar as sementes e realizar o plantio. A grama usada é do tipo Bermuda, usada em vários campos do Brasil. Depois disso serão necessários entre 30 e 40 dias até a grama renascer totalmente.

Vasco iniciou obras de recuperação do gramado de São Januário — Foto: Rafael Ribeiro / Vasco

Vasco iniciou obras de recuperação do gramado de São Januário — Foto: Rafael Ribeiro / Vasco

– Começamos um trabalho de revitalização do gramado. A cor amarelada do campo faz parte desse processo. É um procedimento padrão, anual, para que a gente consiga passar por uma temporada mais apertada, já que o calendário de 2022, com Copa do Mundo, faz com que a gente tenha uma grande quantidade de jogos em um período de tempo reduzido – disse Gledson Lima, gestor de obras e engenharia do Vasco.

– É um processo que não pode ser muito rápido, tem que obedecer uma regra. Provavelmente vamos entrar no Carioca ainda sem o campo estar 100%, mas acho que no segundo jogo é provável que já tenhamos o campo 100% – prevê Gledson.

 

O Vasco só voltará a jogar em São Januário na 2ª rodada da Taça Guanabara, contra o Boavista, em 26 de janeiro. Até lá a expectativa é que o gramado esteja tecnicamente em perfeitas condições, mas é provável que, esteticamente, o campo de jogo ainda esteja um pouco amarelado, algo que só deve ser normalizado em fevereiro, com passar do tempo.

– A situação do clima está se mostrando muito boa, com calor forte durante o dia e chuva à noite. Isso ajuda muito. Se o tempo continuar assim vamos ter muito sucesso, e o gramado estará verdinho e maravilhoso para um bom espetáculo – concluiu o gestor de obras e engenharia do Vasco.

Procedimentos que serão realizados no gramado

    • Rebaixamento da altura de poda
    • Poda vertical drástica para retirada do colchão ou “tach” (retirada do acumulo do resto de grama).
    • Aeração do gramado com pinos ocos para viabilizar troca de ar e ajudar na impermeabilidade, para que o gramado possa aguentar chuvas pesadas
    • Topdressing: aplicação de areia em cobertura para correção do micro nivelamento.
    • Adubação do gramado.
    • Grow in para formação ou recuperação do gramado após as intervenções.
    • Trabalho de crescimento da grama e cortes de procedimento padrão

Fonte: GE

https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...

Close