Com desgaste, contrato e dívida em pauta, Vasco e Castan tentam acordo e negociam rescisão


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

Apesar do vínculo contratual ser até o fim de 2022, Vasco e Leandro Castan discutem encerrar a relação. As partes entendem que não há mais clima para permanência do zagueiro em São Januário, após três temporadas e meia. Apesar da concordância sobre o desgaste ser grande, pendências precisam ser resolvidas para definir o futuro.

O canal Fanático Vascaíno noticiou inicialmente a tratativa de rescisão entre clube e jogador. O ge posteriormente confirmou a informação.

Vasco e Castan negociam rescisão de contrato — Foto: André Durão

Vasco e Castan negociam rescisão de contrato — Foto: André Durão

O Vasco conversa com representantes do jogador em busca de um acordo, o que se intensificou após a chegada de Carlos Brazil, novo gerente de futebol. Não é uma equação fácil. Além do contrato em vigor, o clube deve dinheiro ao zagueiro, fruto de salários em atraso e combinações não cumpridas.

A direção do Vasco não comenta o assunto publicamente, mas internamente passou a haver resistência em relação ao nome de Castan. Pares do presidente Jorge Salgado entendem que zagueiro não vem bem há algum tempo. As vaiais durante 90 minutos contra o Remo, na reta final da Série B, foram o estopim.

Leandro Castan pede desculpas à torcida do Vasco: “Responsabilidade nossa”

Além disso, o elenco passa por reformulação após não conseguir o acesso à Série A. Dez atletas já saíram e, internamente, o Vasco avalia que seria importante a saída de Castan, liderança e um dos símbolos do time nos últimos anos. A ideia é dar uma nova cara à equipe, embora o clube ainda não tenha anunciado contratações – exceção ao técnico Zé Ricardo.

Castan tem sido bastante ativo nas redes sociais nos últimos dias. O zagueiro tem postado imagens de sua nova casa em São Paulo, o que aumentaram os rumores sobre uma mudança de ares.

Em fevereiro, após o rebaixamento para Série B, Castan esteve próximo de sair, mas entrou em acordo com Vasco e decidiu ficar para tentar ajudar o time no acesso. Na ocasião, o zagueiro aceitou reduzir seu salário, em troca de um vínculo maior, até dezembro de 2022. Seu antigo contrato acabaria em dezembro deste ano.

Castan chegou ao Vasco em 2018 e logo assumiu protagonismo na equipe. Uma das lideranças do elenco, ganhou a braçadeira de capitão e tem sido um jogador importante e com voz ativa, desde então. Sempre que se manifestou, relatou ter um enorme carinho pelo Vasco. Foram 145 jogos. No entanto, o rebaixamento para Série B e a tentativa fracassada de acesso desgastaram a relação, que parece caminhar para seus últimos capítulos.

Fonte: GE

Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...