Lisca impulsiona Bruno Gomes a se reerguer no Vasco: "Você é um p... jogador, olha para frente" - ValeSeuClick.com - Notícias do mundo inteiro, em tempo real

Lisca impulsiona Bruno Gomes a se reerguer no Vasco: “Você é um p… jogador, olha para frente”


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

O mês de junho não foi nada fácil para Bruno Gomes. Depois de batalhar por vaga no time titular e enfim consegui-la nos 3 a 0 contra o CRB, o jovem de 20 anos voltou casas ao ser expulso em dois jogos consecutivos, contra Cruzeiro e Goiás. Em Goiânia, o vermelho recebido aos cinco minutos do primeiro tempo o fez deixar o campo chorando.

No último sábado, porém, veio a redenção. Bruno foi um dos grandes destaques, com assistência, muita luta e presença no campo ofensivo.

Até chegar à grande atuação na goleada por 4 a 1 sobre o Guarani, Bruno contou com uma rede de apoio importante. Os pilares foram família, amigos próximos que tem dentro do elenco, acompanhamento do clube e ajuda dos treinadores Marcelo Cabo e Lisca.

Bruno Gomes em ação pelo Vasco contra o Guarani — Foto: Vitor Brügger/Vasco

Bruno Gomes em ação pelo Vasco contra o Guarani — Foto: Vitor Brügger/Vasco

Lisca impulsiona Bruno com palavras de incentivo

Lisca deu o empurrão final para Bruno se reerguer ainda na última sexta-feira, quando organizou uma dinâmica na concentração do Vasco em que orientou os jogadores a contarem suas experiências de vida. Após falar, o volante ouviu do novo comandante as seguintes palavras:

“Confia em você, Bruno. Eu gosto de você, sei que você é um p… jogador. Nós precisamos de você. Até eu sou expulso à beira do campo nos jogos. O que passou, passou. Agora olha para frente”.

 

Após a goleada sobre o Guarani, verbalizou que já admirava Bruno Gomes antes mesmo de ele se profissionalizar pelo Vasco e revelou ter tentado levar o volante para o Ceará em 2018.

– O Bruno é um menino que conheço há muito tempo porque o acompanhei um Brasileiro Sub-20 no Rio Grande do Sul. Gosto muito dele porque tem técnica, força, personalidade e é competitivo. Quando se é novo, a gente tem que aprender as coisas. E o Bruno aprendeu. Da pior maneira possível, que é sendo expulso e sendo contestado, mas conversei bastante com ele. E o que passou, passou. E a resposta dele foi muito positiva, de controle. Ontem fizemos a dinâmica, e ele falou bastante

Ainda no campo de São Januário, Bruno destacou o quanto Lisca mexeu com os brios do elenco:

– Acho que ele contagia bastante até pela alegria dele. A gente percebeu que ele está com bastante vontade de vencer, conseguiu contagiar a gente. Acho que a preleção, as frases e os vídeos que ele passou nos ajudaram bastante a ter esse vontade de vencer em campo.

“Força-tarefa familiar” e ajuda dos amigos e do clube

Muito ligado à família, Bruno teve ainda mais forte a presença do pai (Judimar), da mãe (Weronika) e dos dois irmãos (Thiago e Lucas) e da namorada (Taina) durante o período em que esteve fora de combate. O quinteto se uniu para impedir qualquer tipo de abatimento do caçula.

Além de cumprir suspensão nos jogos contra Brusque e Confiança devido aos vermelhos recebidos diante de Cruzeiro e Goiás, foi preservado pela comissão técnica nos duelos contra Sampaio Corrêa e Coritiba.

Judimar (pai), Thiago (irmão), Weronika (mãe) e Lucas (irmão) foram pilares de Bruno nesse momento complicado — Foto: André Durão

Judimar (pai), Thiago (irmão), Weronika (mãe) e Lucas (irmão) foram pilares de Bruno nesse momento complicado — Foto: André Durão

Voltou a ser relacionado 18 dias após a expulsão contra o Goiás, mas não entrou no decorrer do empate por 1 a 1 com o Náutico. Dessa forma, foram 21 dias até voltar a atuar – foi titular nos 2 a 2 com o CSA após Andrey ter se machucado ainda no aquecimento.

Durante esses 21 dias sem jogar, além do suporte dos pais, Bruno recebeu muito carinho de amigos que vieram da base do Vasco, sobretudo de Andrey e Gabriel Pec. O capitão Leandro Castan também foi figura fundamental.

Os empresários do jogador (Thiago Souza, Marcos Bonfim e Diego Gomes) e o clube também entraram em ação. Houve um forte trabalho do Vasco no sentido de mantê-lo forte mentalmente, principalmente da psicóloga Maíra Ruas, que o acompanhou.

Marcelo Cabo também é lembrado

Na entrevista posterior ao duelo com o Bugre ainda em São Januário, Bruno citou Marcelo Cabo como um grande treinador ao ser perguntado sobre Lisca. A pessoas próximas, o volante admitiu que Cabo o surpreendeu com muito apoio após as expulsões sofridas no fim de junho.

Bruno Gomes imaginava que tomaria uma baita bronca no intervalo da partida com o Cruzeiro, mas ali mesmo foi onde Cabo começou a tirar o peso das costas do jogador. Em coletivas e no trato diário, o preservou bastante. Claro que apontou os erros, mas desde o princípio evitou que o atleta de 20 anos fosse exposto.

Após dias difíceis e de reflexão em cima dos próprios erros, Bruno volta a olhar para frente e volta a estar bem cotado dentro de um clube onde é visto como promessa com grande potencial para gerar importante retorno financeiro para os cofres vascaínos.

Fonte: GE

Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...