Penafiel negocia com o Vasco renovação de empréstimo de Bruno César - ValeSeuClick.com - Notícias do mundo inteiro, em tempo real

Penafiel negocia com o Vasco renovação de empréstimo de Bruno César


Curta nossa página e saiba de tudo sobre o Vasco!

Emprestado pelo Vasco até 30 de junho, Bruno César pode permanecer em Portugal. O Penafiel, clube que defende desde outubro do ano passado, deseja renovar o empréstimo do meia por mais uma temporada e já entrou em contato com o Cruz-Maltino para tentar um novo acordo. As negociações ainda estão no início, porém não são tão simples de serem concretizadas.

No empréstimo atual o Vasco tem que arcar com 70% do salário do Bruno César, gerando uma despesa superior a R$ 100 mil por mês. Bancar esse valor está sendo inviável, tanto que o clube não paga a sua parte do acordo desde dezembro.

O Vasco vê com bons olhos um novo empréstimo, desde que o Penafiel pague a maior parte do salário do Bruno César. Isso acaba criando um impasse, já que o clube português não conseguiu o acesso para a Primeira Divisão, o que dificulta o aumento de receita para a próxima temporada.

Faltando uma rodada para o fim da Segunda Liga (Série B de lá), o Penafiel ocupa a 7ª posição com 43 pontos, sem chances matemáticas de conseguir o acesso. Portanto, o sonho de retornar à elite ficou para o próximo ano e o clube entende que para isso acontecer, é necessário a permanência de Bruno César.

O meia conseguiu ter regularidade e disputou 25 das 33 rodadas da competição, sendo que em apenas três esquentou o banco de reservas. Contando também com a Taça de Portugal, Bruno César disputou 26 partidas e marcou 5 gols, um a mais do que em toda passagem pelo Vasco, na qual soma 41 jogos.

Possibilidade de permanecer

Caso o Vasco não entre em acordo com o Penafiel, a tendência é de que Bruno César seja emprestado a um outro clube. Se isso não acontecer, o seu retorno será inevitável, já que tem contrato até maio de 2022. No entanto, antes de se pensar na utilização do jogador, será necessário uma readequação financeira e, mesmo assim, não há certeza quanto ao seu aproveitamento.

— Pode ser que ele continue por lá (Portugal). Do ponto de vista financeiro, ele não nos interessa. É um passivo criado que temos que honrar. Mas se não houver uma readequação, nem olharemos a parte técnica. Se houver uma decisão de fazer um projeto parecido com o do Leandro Castan ou do Léo Matos, aí sim vamos olhar a parte técnica e pode ser que nossa resposta final seja não. Oportunamente vamos sentar e estabelecer o melhor plano possível para ele e para o Vasco — disse o diretor de futebol, Alexandre Pássaro, em coletiva no mês passado.

Trajetória

Contratado em janeiro de 2019, Bruno César chegou ao Vasco cercado por grande expectativa por parte da torcida. Entretanto, jamais conseguiu se firmar entre os titulares. Em 2020 foi comunicado que não estava nos planos e passou a treinar separado.

Sem propostas, foi reintegrado em maio após um acordo com o clube no qual aceitou reduzir o salário em cerca de R$ 100 mil, porém renovou o contrato até maio de 2022. Com isso o Vasco alongou uma dívida que estava avaliada em R$ 4 milhões.

Fonte: Esporte News Mundo
Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...

Close