Ministro Gilmar Mendes mantém missas e cultos presenciais suspensos em SP



Ministro Gilmar Mendes durante sessão plenária por videoconferência. Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF (Crédito: )

Ação do PSD questionava o decreto do governo do estado, que vetou as atividades religiosas de forma presencial. O partido alegava que a restrição feria o direito à liberdade de prática religiosa.

fONTE: CBN

Você pode gostar...