Garota de 14 anos achada amarrada em SC foi morta estrangulada, diz MP




Adolescente foi encontrada morta em Campo Belo do Sul, na Serra catarinense — Foto: NSC TV/Reprodução

O adolescente de 15 anos suspeito de participação na morte de Ana Kemilli, de 14 anos, teve a internação determinada pela Justiça na noite desta sexta-feira (12) e foi levado para um Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep). Segundo o Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), a garota encontrada amarrada em uma árvore em Campo Belo do Sul, na Serra catarinense, teria sido morta por estrangulamento.

Ele deve ficar internado por 45 dias, até que o processo seja concluído. “É o tempo máximo de internação de um adolescente infrator sem sentença definitiva”, informou o MPSC.

A vítima desapareceu na segunda-feira (8), e no dia seguinte, o rapaz suspeito também desapareceu. Até aquele momento, a polícia não confirmava se havia relação entre os desaparecimentos.

O corpo da menina foi encontrado na quarta-feira (10) e não tinha sinais aparentes de violência ou violência sexual. Ela estava amarrada a uma árvore. No início da tarde de quinta-feira (11), o adolescente se apresentou à polícia e admitiu participação na morte da garota.


Adolescente desaparecida é encontrada morta e vizinho confessa crime em SC

O suspeito não informou motivação nem deu detalhes sobre o crime à polícia, que acredita na possibilidade de haver mais pessoas envolvidas, mas ainda deve investigar. De acordo com a Polícia Civil, ele não tinha antecedentes criminais.

Fonte: G1

Você pode gostar...

Close