Ex-Real Madrid e seleção alemã será julgado por divulgação de pedofilia


O ex-jogador do Real Madrid e da seleção alemã, Christoph Metzelder, será julgado no próximo dia 29 de abril, em Düsseldorf, por divulgar imagens de natureza pedófila, segundo anunciou um tribunal local nesta segunda-feira. O ex-defensor nega os fatos.

Metzelder, de 40 anos, é acusado de ter enviado 29 imagens de pedofilia e pornografia a um conhecido pelo WhatsApp. Ele também será julgado por possuir esse tipo de fotografias. O tribunal não emitiu mandado de prisão para o ex-jogador, que vinha estudando na Federação Alemã de Futebol (DFB) para ser técnico, quando a investigação foi aberta, em setembro de 2019.

Metzelder se destacou no Borussia Dortmund, jogou no Real Madrid entre 2007 e 2010 e está aposentado desde 2013 — Foto: TF-Images/Getty Images

Metzelder se destacou no Borussia Dortmund, jogou no Real Madrid entre 2007 e 2010 e está aposentado desde 2013 — Foto: TF-Images/Getty Images

O jornal “Bild” afirmou, na ocasião, que foi a namorada de Metzelder, com quem ele mantinha um relacionamento há um ano, quem o denunciou após receber pelo menos 15 imagens de caráter pedófilo. A emissora pública alemã “ARD”, da qual o ex-zagueiro havia recentemente se tornado comentarista, decidiu imediatamente “suspender sua colaboração” durante a investigação.


Vice-campeão mundial em 2002, o zagueiro Metzelder jogou pela seleção alemã 47 vezes entre 2001 e 2008. Depois de brilhar no Borussia Dortmund entre 2000 e 2007, ele foi contratado pelo Real Madrid, onde esteve entre 2007 e 2010. Depois, Christoph voltou à Alemanha para jogar pelo Schalke 04, onde se aposentou em 2013.

Após encerrar a carreira, Metzelder dirigiu uma agência de publicidade e sua própria fundação, a “Fondation Christoph Metzelder”, para apoiar projetos para crianças e jovens. Ele também treinou a equipe sub-19 do TuS Haltern.

Metzelder, entre os brasileiros Pepe e Emerson, no Real Madrid em 2007  — Foto: Getty Images

Metzelder, entre os brasileiros Pepe e Emerson, no Real Madrid em 2007 — Foto: Getty Images

Fonte: GE

Você pode gostar...

Close