Eduardo Paes diz que regra que permite volta do público aos estádios será revogada


Acesse nosso grupo do Vasco e saiba de tudo sobre o gigante da colina!

Depois da publicação de medidas que permitiriam o retorno do público aos estádios no Rio de Janeiro, o prefeito da cidade, Eduardo Paes, afirmou que a regra será revogada. Segundo ele, seria “quase impossível” garantir que os estádios recebam apenas 1/10 da capacidade.

A volta dos torcedores às arquibancadas será com restrição da capacidade. A redução dependerá da classificação de risco para Covid-19 da região, divulgada toda sexta-feira pelo município.

Se a região do estádio estiver em risco moderado, as arquibancadas poderão receber 20% da capacidade e manter afastamento de dois metros entre os torcedores. Se o risco estiver alto, somente 10%, com três metros de distância para cada um; se for risco muito alto, o público não poderá entrar.

A resolução permite ainda o consumo de bebidas alcoólicas — mas somente no próprio assento. Deverá haver controle dos portões para evitar aglomerações na entrada e na saída.


Quer saber as últimas notícias do Vasco, acesse a Central do Vasco

Vasco: veja quem são os aliados de Leven Siano ligados a partidos políticos

Vasco: Juninho desperta interesse de clubes do Oriente Médio e da Europa

Ex-jogador do Vasco revela ‘cobrança’ sofrida até em lanchonete e drama em conversa com a filha: ‘Lá na escola estão falando que você é muito bichado’
O último boletim, divulgado no dia 8, trazia 18 bairros com risco alto — caso dos três principais estádios.

O Maracanã, em que normalmente cabem 78 mil pessoas, poderia receber cerca de 8 mil torcedores. O Nilton Santos, com seus 46 mil lugares, deveria abrigar pouco menos de 5 mil; e São Januário, com 21 mil no total, somente 2 mil. Não havia bairro com risco alto.

A próxima rodada do Campeonato Brasileiro prevê dois jogos no Rio no sábado (16): Fluminense x Sport no Nilton Santos e Vasco x Curitiba em São Januário. Até a última atualização desta reportagem, não se sabia se essas partidas teriam público.

A final da Libertadores, prevista para o dia 30, no Maracanã, será a portões fechados, como decidiu a Conmebol.

O painel de Covid-19 registrava, na manhã desta quarta-feira (13), 15.664 mortos na capital, com 175 mil casos. Em todo o estado, eram quase 27 mil óbitos e 465 mil casos.

As mortes por Covid-19 no RJ estavam com tendência de alta (+115%), segundo o mesmo boletim.

Nesta quarta, 140 pacientes com suspeita ou confirmação da doença aguardavam transferência — 62 para uma vaga na UTI e 78 para enfermaria.

Fonte: ge
Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...

Close