Honda se despede do Botafogo: “Também me decepcionei, sinto muito”


Keisuke Honda, enfim, quebrou o silêncio sobre o adeus ao Botafogo. O meia japonês se manifestou nesta quarta-feira pelas redes sociais para se despedir do clube. Em postagem no Twitter, o camisa 4 afirma que fica com um sentimento de que poderia ter rendido mais no Brasil e fez questão de agradecer todo o apoio que recebeu da torcida.

– No início, aceitei todas as suas críticas de que eu não poderia ter resultados. As críticas são naturais e não estou dando desculpas, eu também me decepcionei, eu sinto muito. Em segundo lugar, estou muito agradecido por tudo que vocês fizeram, foi uma ótima experiência e nunca vi e senti algo desse tamanho com os torcedores no aeroporto e no estádio quando cheguei. Tomei esta decisão por motivos pessoais e profissionais, mas estive muito feliz durante esta temporada. Eu também agradeço a todos os meus companheiros de equipe. Obrigado.

A carta de Honda na íntegra

“Tenho uma coisa que quero lhes contar diretamente. Como vocês sabem, vou sair do Botafogo.

No início, aceitei todas as suas críticas de que eu não poderia ter resultados. As críticas são naturais e não estou dando desculpas, eu também me decepcionei, eu sinto muito.

Em segundo lugar, estou muito agradecido por tudo que vocês fizeram, foi uma ótima experiência e nunca vi e senti algo desse tamanho com os torcedores no aeroporto e no estádio quando cheguei. Tomei esta decisão por motivos pessoais e profissionais, mas estive muito feliz durante esta temporada. Eu também agradeço a todos os meus companheiros de equipe. Obrigado.

Por último, mais uma vez, muito obrigado por tudo. Eu pessoalmente vou buscar uma oportunidade de continuar apoiando o clube como embaixador do Botafogo na Ásia.


Obrigado.”

Honda não é mais jogador do Botafogo — Foto: Marcos Ribolli

Honda não é mais jogador do Botafogo — Foto: Marcos Ribolli

Fonte: GE

Você pode gostar...

Close