Ampliação de lojas e produtos licenciados faz o Vasco aumentar seu faturamento


Acesse nosso grupo do Vasco e saiba de tudo sobre o gigante da colina!

Embora asfixiado financeiramente, o Vasco conseguiu um substancial aumento de receitas com a venda de produtos licenciados, e o crescimento mais impressionante deu-se justamente em 2020, ano em que a pandemia afetou brutalmente a área comercial.

Ainda sem contar com a entrada da Kappa, consumada em agosto de 2020, o clube saiu de um faturamento bruto de R$ 1,483 milhão em 2018 para uma projeção de R$ 14,6 milhões em 2020 – os números fecham em março.

Tal evolução deu-se em dois pilares: o aumento do número de lojas “Gigante da Colina” – eram seis (apenas uma sob contrato à época) em 2018 e hoje são 22 – e de opções de produtos licenciados – no primeiro ano da atual gestão, eram 960 registrados. Atualmente são 2600.

O coordenador de licenciamento do Vasco, Fábio Lima, fala em revolução no setor que comanda, principalmente pautado no fato de que produtos com a marca do clube eram vendidos sem que entrasse qualquer receita para os cofres vascaínos.

– Fizemos aqui no Vasco uma verdadeira transformação exponencial no licenciamento. Em nossa chegada, lojas e empresas licenciadas não pagavam royalties e nem contrato tinham com o clube. Desde layouts, aproveitando mais a história do clube e traduzindo em produtos, aumentando significativamente a quantidade de empresas licenciadas e lojas, chegando a números que o clube jamais recebeu em faturamento de royalties.


Quer saber as últimas notícias do Vasco, acesse a Central do Vasco

Vasco: “Obrigado Benítez, Breno e Ramon”, veja o vídeo

Athletico-PR x Vasco terá transmissão pelo site torcidavisitante.com

Relembre a passagem de “Ben10” pelo Vasco

Carioca: Globo e SBT têm interesse em transmitir em 2021

– Hoje, posso afirmar que estamos entre os três maiores no segmento, graças ao empenho e seriedade de toda a equipe em prol de sua torcida e do clube – afirmou Lima.

Loja Gigante da Colina, do Vasco, no Norte Shopping, foi uma das que abriram em 2020 — Foto: Divulgação

Loja Gigante da Colina, do Vasco, no Norte Shopping, foi uma das que abriram em 2020 — Foto: Divulgação

O Vasco pretende expandir suas vendas para todo o território nacional justamente por conta da característica de sua torcida, que não se concentra no Rio de Janeiro. O departamento de licenciamento do clube projeta que 45% da comercialização de produtos se dê para torcedores do Sudeste, mas aponta 25% também para a região Norte e outros 20% para o Nordeste.

Atualmente, o Vasco tem somente uma loja off-Rio, localizada em Brasília. São outras 21 no estado do Rio de Janeiro, e o departamento de licenciamento esperar inaugurar mais 10 em 2021.

– Em 2020 abrimos 12 lojas licenciadas chegando a um total de 22. Nosso planejamento para 2021 é continuar nesta crescente, visando lojas off-Rio. O Vasco não é um clube regional, temos torcida em todo território nacional e internacional. Hoje os licenciados estão mais próximos do clube criando um canal de comunicação e transparência resultando em uma relação de confiança mútua. Quanto mais produtos licenciados e mais confiança dos parceiros, mais opções de produtos o torcedor vascaíno terá ao seu alcance e, com isso, vamos de encontro ao combate a pirataria.

– O crescimento da linha de produtos e quantidade de parceiros crescerá muito, assim como lojas oficiais do Vasco para atender ao torcedor espalhado pelo Brasil e mundo afora. É muito importante a participação da torcida nesse crescimento comprando e divulgando os produtos oficiais do Vasco – completou Kadu Vieira, analista comercial de licenciamento do Vasco.

Vale frisar que no balanço referente ao exercício de 2019, divulgado em março passado, é destacado um aumento substancial de receitas operacionais líquidas no quesito “Licenciamento e Royalties”, de R$ 1,1 milhão em 2018 para R$ 4 milhões no ano passado.

Confira projeções feitas pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco:

 

Projeção de faturamento feito pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco — Foto: Reprodução

Projeção de faturamento feito pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco — Foto: Reprodução

Projeção de número de lojas feito pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco — Foto: Reprodução

Projeção de número de lojas feito pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco — Foto: Reprodução

Projeção de registro de produtos licenciados (SKU'S) com a marca do Vasco por ano — Foto: Reprodução

Projeção de registro de produtos licenciados (SKU’S) com a marca do Vasco por ano — Foto: Reprodução

Projeção por comercialização de produtos licenciados pelo Vasco por região — Foto: Reprodução

Projeção por comercialização de produtos licenciados pelo Vasco por região — Foto: Reprodução

Projeção de empresas licenciadas/ano pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco — Foto: Reprodução

Projeção de empresas licenciadas/ano pelo departamento de licenciamento de produtos do Vasco — Foto: Reprodução

Fonte: GE


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...

Close