Vasco ganha fôlego após acordo salarial com elenco e busca de dois a três reforços para o Brasileiro


O recente acordo salarial com o elenco dá fôlego para o Vasco ir ao mercado. A dificuldade financeira ainda é uma realidade, mas o clube busca alternativas e planeja se reforçar para o Campeonato Brasileiro. A expectativa é que entre dois ou três reforços cheguem a São Januário até o início da competição. Setor ofensivo e a lateral esquerda são as prioridades.

Até o momento, o Vasco trouxe o zagueiro Marcelo Alves e o atacante Ygor Catatau. A dupla chega por empréstimo do Madureira como apostas a serem observadas. A ideia, no entanto, é trazer jogadores com potencial de virarem titulares assim que chegarem.

Coordenador técnico do Vasco, Antônio Lopes conversa com Ramon Menezes e os auxiliares Thiago Kosloski e Lopes Júnior — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

Coordenador técnico do Vasco, Antônio Lopes conversa com Ramon Menezes e os auxiliares Thiago Kosloski e Lopes Júnior — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

CRB confirma retorno do volante Bruno Cosendey ao Vasco

Botafogo conversa com Vasco para realizar amistoso antes do Brasileirão

Confira todos os jogos do Vasco no Brasileirão 2020

Brasília pode receber torneio com Vasco, Flamengo e times goianos

A lateral esquerda é uma das prioridades. Com a incerteza de quando se poderá contar com Ramon, o técnico Ramon Menezes tem à disposição apenas Henrique, além dos jovens Alexandre e Riquelme.

O plano é também trazer reforços para o setor ofensivo, entre meias e atacantes. Especialmente um jogador rápido que atue pelos lados para repor a saída de Marrony e uma eventual venda de Talles Magno.

Não há um perfil definido, e o Vasco busca nomes na Europa, na América do Sul e no próprio mercado brasileiro.

André Mazzuco, executivo de futebol do Vasco, tem a missão de contratar com foco no Brasileiro — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

André Mazzuco, executivo de futebol do Vasco, tem a missão de contratar com foco no Brasileiro — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

Possíveis saídas

Enquanto busca reforços o Vasco não está imune a possíveis perdas. Entre os titulares, quem mais preocupa é Raul. Com contrato até o fim do ano, o volante não chegou a um acordo de renovação e tem proposta do Bragantino. Existe a possibilidade, inclusive, de sair antes do Brasileirão. A comissão técnica, no entanto, conta com ele, tanto que foi titular no jogo-treino contra o Porto Velho.

– O Raul é muito importante. Quando fui perguntado a respeito de contratação, lá atrás, eu disse que seria muito importante manter o elenco que está aqui. O Raul faz parte disso, é um jogador que já mostrou sua importância, espero que ele resolva e continue conosco. É um jogador que tem contrato – disse Ramon Menezes, após o jogo-treino.

Raul em ação durante jogo-treino do Vasco contra o Porto Velho. Futuro indefiido — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

Raul em ação durante jogo-treino do Vasco contra o Porto Velho. Futuro indefiido — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

Guarín é outra preocupação. Com problemas particulares, ele foi autorizado a viajar pela segunda vez para a Colômbia desde o início do isolamento social. O volante ainda não treinou com a equipe sob o comando de Ramon Menezes, mas o clube, por ora, decidiu aguardá-lo. A expectativa é que retorne na próxima semana ao Rio de Janeiro.

Além de Raul, o Vasco também busca renovar com os jogadores com contratos perto do fim. Ricardo Graça, por exemplo, tem acordo adiantado e está próximo de ter o acerto oficializado. Vinícius recebeu uma valorização salarial e também renovou. Há dificuldades, no entanto, na ampliação de vínculo de Juninho e Bruno Gomes. O primeiro, inclusive, foi afastado até que haja uma solução. O contrato de Juninho acaba em maio de 2021.

Fonte: Globoesporte.com

Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...