Na justiça, lateral cobra R$ 539 mil do Vasco



O Vasco está respondendo a um segundo processo de Danilo Barcelos. A empresa que representa o jogador, hoje no Botafogo, entrou no mês passado contra o Cruz-Maltino no Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) cobrando R$ 208 mil por direitos de imagem atrasados – conforme o Esporte News Mundo antecipou. Agora, há um segundo processo que o ENM teve acesso – neste, a cobrança da dívida, alegada pelo atleta ao Cruz-Maltino, é no valor de R$ 539.682,00.

Este novo processo corre na 62ª Vara do Trabalho do Rio do Tribunal Regional do Trabalho da Primeira Região (TRT-1). Somando as duas ações na Justiça, o Vasco é cobrado em aproximadamente R$ 747 mil. Por conta da pandemia de Covid-19, mais conhecido como coronavírus, ainda não foi marcada audiência entre Danilo Barcelos e o Vasco nos tribunais.

Curta a página do Valeseuclick.com e tenha acesso a todas as notícias

Vasco fica sem nenhum jogador na seleção do Campeonato Estadual 2020

Raul aceita proposta do Bragantino, e saída do Vasco está próxima; centroavante é envolvido no negócio

Vasco procura investidor para abrir negociação por lateral-esquerdo da seleção paraguaia

Vasco cobre oferta do Bragantino por Raul mas volante não assina repactuação de dívida anunciada pelo time

Entretanto, o juiz Edson Dias de Souza deu neste fim de semana o prazo de 48 horas para que o clube presidido por Alexandre Campello e o jogador se pronunciem nos autos sobre possibilidade ou não de acordo. Após este prazo, caso não haja manifestação, já foi determinado pelo magistrado a necessidade de retorno das atividades presenciais no Tribunal do Trabalho do Rio de Janeiro para o prosseguimento do julgamento deste processo.

A cobrança de Danilo Barcelos ao Vasco neste processo engloba, dentre outros pontos, verbas rescisórias e multas da CLT. Defendendo o clube de São Januário, o lateral-esquerdo entrou em campo em 45 partidas no ano passado, sendo 21 vitórias, 11 empates e 13 derrotas. No período, o jogador estufou as redes adversárias em cinco oportunidades.

Fonte: Esporte News Mundo

Você pode gostar...