Ex-empresário ameaça ir à Fifa contra Riascos por transferência para o Vasco


Riascos em ação pelo Vasco

Riascos tem um problema para resolver nos próximos dias. O ex-empresário do jogador, Mauro Bousquet, ameaça ir à Fifa contra o colombiano, o que poderia acarretar numa punição ao atacante do Vasco.

Segundo o advogado de Bousquet, Juan Carlos Vázquez, Riascos assinou contrato de exclusividade com o empresário italiano, válido por dois anos. Entretanto, as duas últimas transferências do colombiano, para Millonarios e Vasco, foram feitas à revelia, através de outro agente, o brasileiro Ubiraci Cardoso.



– Há um incumprimento claro do contrato do jogador. Se ele não cumpre com o contrato que assinou, há uma penalidade. Se esta situação não tiver solução, o agente quer ir à Fifa, e o jogador pode ter uma sanção e ficar parado um tempo. É muito difícil para o jogador e para o Vasco – disse Vázquez.

O advogado se reuniu na segunda-feira com a diretoria do Vasco para explicar a situação. A expectativa é de que Riascos e Ubiraci paguem uma indenização a Bousquet, de cerca de 20% do valor total dos contratos com Millonarios e Vasco. Assim, o caso não iria à Fifa.

– O Vasco pode falar com Bira e Bousquet para dar solução a esta situação. O agente Bira conhece o Bousquet, porque eles se conheceram no Cruzeiro. A ideia é falar com todos e concretar um acerto econômico para que o Vasco não seja envolvido numa sanção.



Procurado pela reportagem, o empresário Ubiraci Cardoso não se manifestou. A expectativa de Vázquez é se encontrar com o brasileiro nos próximos dias. O Vasco já recebeu o contrato de Riascos com Bousquet.

Riascos assinou com o Vasco em janeiro. O acordo é válido por três anos, e o jogador recebe salário de cerca de R$ 200 mil mensais. Ele veio de graça para o clube, após se encerrar seu contrato com o Millonarios, da Colômbia, onde atuou em 2017.


Você pode gostar...