Vasco x Caracas: Confira as escalações, desfalques e arbitragem


 — Foto: Editoria de arte/ge

— Foto: Editoria de arte/ge

Oito meses depois, o Vasco volta à Copa Sul-Americana para a disputa da segunda fase da competição nesta quarta-feira, às 21h30, em São Januário. O adversário é o venezuelano Caracas, que entra no torneio após ser eliminado no Grupo H da Libertadores.

Eliminado na Copa do Brasil, longe dos líderes do Brasileiro e após campanha muito ruim no estadual, o Vasco tem na Sul-Americana sua última chance de salvar a temporada. E chega para o duelo com os venezuelanos com um jejum incômodo de nove jogos sem vitórias.

O Caracas faz uma temporada bem interessante. Quando o Campeonato Venezuelano parou por conta da covid-19, estava invicto e era o vice-líder, com quatro vitórias e dois empates. Só não avançou às oitavas de final da Libertadores por causa do saldo de gols, quesito em que foi superado pelo Libertad.

Quer saber as últimas notícias do Vasco, acesse a Central do Vasco

  • Tempo Real: Canais pagos da Conmebol

 

Vasco – Técnico: Ricardo Sá Pinto

Ricardo Sá Pinto faz sua estreia em competições internacionais pelo Vasco e, em seu último trabalho, foi justamente o bom rendimento em termos continentais que lhe gerou elogios. Com o Braga, conseguiu a melhor campanha da fase de grupos da Liga Europa.

Para o duelo desta quarta-feira, mais uma vez ele não terá seu artilheiro. German Cano não se recuperou a tempo de uma lesão na coxa direita e está fora. Por outro lado, Benítez evoluiu, treinou e tem chances de jogar. Recuperados, Ricardo e Juninho estão à disposição da comissão técnica.

Provável escalação: Fernando Miguel, Cayo Tenório, Miranda (Ricardo), Castan, Henrique (Neto Borges); Marcos Jr. (Andrey), Léo Gil, Carlinhos, Benítez (Vinícius); Talles e Ribamar.

Quem está fora: Cano (lesão na coxa); os reforços Léo Matos e Gustavo Torres não foram inscritos nessa fase.


Pendurados: ninguém.

Caracas – Técnico: Noel Sanvicente

 

O Caracas chegou à competição após ser eliminado na fase de grupos desta edição da Libertadores. Os venezuelanos ficaram em 3º no grupo H, com Boca Juniors, Libertad e Independiente Medellín, e não conseguiram a classificação para as oitavas pelo saldo de gols.

Nesta segunda, sem autorização para entrar no Brasil, a delegação teve de aguardar por 10 horas para embarcar no aeroporto da capital venezuelana. A equipe enfrentou o Zamora e venceu por 1 a 0 no último domingo, em Barinas, no interior da Venezuelana, pela liga local.

Quem está fora: Leo Flores, Anderson Contreras, Jorge Echeverría, Carlos Rivero e Luis Ramírez não viajam por conta de Covid-19.

Provável escalação: Velásquez; Ferreira, Osio, Rivero e Notaroberto; Flores e Andreutti; Hernández, Contreras e Cellis; Blanco.

  • Michael Espinoza (Peru)
  • Coty Carrera (Peru)
  • Raul Lopez Cruz (Peru)

Fonte: GE
Receba nossas notícias do Vasco pelo canal no telegram, acesse o link https://t.me/VascodaGamaoficial


Instale o Aplicativo do Vasco e fique por dentro de todas as notícias do Gigante da Colina

Você pode gostar...

Close