Lilia Cabral lembra papel em Malhação: ‘Minha primeira protagonista’

Saiba tudo sobre novelas! Se prepare para a nova novela das 9, entre no Grupo no facebook. Entre no Grupo de Novelas no Facebook Clique aqui – A DONA DA PEDAÇO. https://www.facebook.com/groups/128648017762517/



Lilia Cabral lembra papel em Malhação: 'Minha primeira protagonista'
Lilia Cabral lembra papel em Malhação: 'Minha primeira protagonista'

CEDOC/TV Globo

Lilia Cabral coleciona grandes personagens em seus mais de 30 anos carreira. Quem não se lembra da batalhadora Griselda, de Fina Estampa, ou da mãe desnaturada Marta, de Páginas da Vida, ou até mesmo a submissa Catarina, de A Favorita?!

Acompanhando o trabalho da filha Giulia Bertolli, a Meg, de Malhação – Toda Forma de Amar de pertinho, Lilia lembra o convite para participar da novela teen: “Eu tava viajando com meu marido, na Espanha, quando recebi a ligação de Ricardo Waddington. Na época eu já sabia que estava escalada pra fazer Laços de Família, então, não entendi muito bem quando ele falou na Malhação. Fiquei em silêncio, porque eu entendia que Malhação é um produto jovem, com atores jovens, divertidos”.

A atriz confessa que ficou receosa no início, mas após ler o texto de Emanuel Jacobina, também autor da atual temporada, foi só sucesso: “De fato, ele escreveu a Malhação que deixou de ser a história contemporânea dos jovens da época pra fazer um sitcom, com famílias, casais jovens e nossa realidade pra contar aquela história”, ressalta a atriz.

Lilia Cabral interpretou Claudia em Malhação, na temporada dos anos 1999-2000 — Foto: CEDOC/TV Globo

Lilia Cabral interpretou Claudia em Malhação, na temporada dos anos 1999-2000 — Foto: CEDOC/TV Globo

“Eu costumo pensar que na verdade minha primeira protagonista não foi em Fina Estampa,e sim em Malhação. Lá eu tive a oportunidade de viver aquela situação familiar contando a história daquela estrutura da Malhação”, lembra a atriz, que deu vida à Claudia, mãe da personagem Tati, interpretada por Priscila Fantin, na temporada dos anos 1999-2000.

A franquia, que completa 25 anos em 2020, é tida por grande parte dos atores como uma grande família. E é com base neste conceito que Lilia deu todos os conselhos à filha, que dividiu seu primeiro papel ao lado da mãe em O Sétimo Guardião: “Malhação significa disciplina, respeito, organização, criação. (…) Uma história só resiste se a gente souber contar e a gente só consegue contar se todo mundo contar junto”.

Lilia Cabral durante viagem que fez com a filha, Giulia Bertolli, a Portugal — Foto: Reprodução/Instagram

Lilia Cabral durante viagem que fez com a filha, Giulia Bertolli, a Portugal — Foto: Reprodução/Instagram

Aos 22 anos de idade, a única filha da premiada atriz diz buscar referências na carreira de sua mãe:

“Minha mãe sempre foi uma inspiração para mim como pessoa e profissional. Por eu ter crescido nos bastidores da TV e nos camarins dos teatros, essa vontade de trabalhar com a arte e a interpretação sempre estiveram nos meus sonhos. Desde criança, eu gostava de escrever textos, montar historinhas e desenhar.”

Giulia Bertolli vai viver a personagem Meg em 'Malhação - Toda Forma de Amar' — Foto: Fabiano Battaglin/Gshow

Giulia Bertolli vai viver a personagem Meg em ‘Malhação – Toda Forma de Amar’ — Foto: Fabiano Battaglin/Gshow

Fonte: Gshow


Instale o aplicativo e tenha a notícia de todas as novelas em seu celular!

Você pode gostar...

Close